Copywriting: A importância de uma boa copy de vendas

No mundo do marketing digital, existem diversas estratégias que você pode adotar para conduzir sua audiência a adquirir seus produtos ou contratar seus serviços, e torná-la fiel à sua empresa.

Para aumentar as conversões em vendas, é preciso ter sabedoria e comprometimento com todas as ferramentas disponíveis, desde a utilização de redes sociais até o copywriting.

Por isso, elaboramos um informativo prático e simples para mostrarmos o que é copywriting, sua importância para o marketing digital e como usufruir desse recurso para melhorar os incomes da sua empresa e seu relacionamento com clientes atuais e futuros.

O que é o Copywriting – Entendendo o conceito

De maneira ampla, copywriting consiste na técnica de produzir textos estratégicos com a finalidade de realizar vendas, promover produtos ou serviços.

Analisando de maneira superficial, pode parecer algo banal e extremamente fácil de fazer, mas elaborar bons textos a fim de trazer o público-alvo para a sua empresa é uma arte dominada por poucos profissionais, pois exige diversas técnicas aplicadas.

Selecionar informações importantes, editá-las e expressá-las por meio de palavras não somente aproxima os clientes para realizarem compras mas os conquista de maneira permanente.

A persuasão é a palavra-chave para conseguir sucesso como copywriter e para que você domine todas as técnicas.

A importância do Copywriting – Como gerar mais conversões

Utilizar a fórmula AIDA (processo de Atenção, Interesse, Desejo e Ação) é comprovadamente um dos métodos mais eficazes e conhecidos para conduzir pessoas à realização de uma ação. No caso do copywriting, essa técnica é muito utilizada para elaborar textos persuasivos sobre um produto ou serviço que serve como ponte para levar o leitor a realizar uma ação deseja.  Essa ação, no caso, pode ser a compra de um produto, a solicitação de uma reunião, o agendamento de uma consulta, a inscrição para um evento, entre outras.

Carta de vendas – copy : Como fazer

Abaixo separamos o passo a passo do sucesso para os empreendedores que optarem por adotar a fórmula AIDA.

  • Chamando atenção: entre centenas de milhares de opções de compra disponíveis para consumidores de todo o mundo, um copywriter precisa chamar atenção de maneira certeira. Para prender o foco de clientes, você pode utilizar muitas ferramentas: textos, vídeos, imagens, gifs, etc.
  • Despertando interesse: Uma vez que o cliente tenha o primeiro contato com seu negócio, é preciso manter o interesse dele vivo. Argumentos bem estruturados, frases persuasivas, gatilhos mentais e outras estratégias de venda devem ser utilizadas.
  • Aguçando o desejo: Tendo despertado o interesse, agora é hora de agir de maneira mais estratégica. Sentimentos são sensações difíceis de controlar, e o desejo por algo é uma delas. Estimular, de maneira positiva sempre, as sensações do consumidor é importante para fazer com que as pessoas deem vazão aos seus ímpetos pelo consumo.
  • É hora da ação: Nessa última etapa, você é capaz de direcionar o cliente de maneira clara à compra do produto. É nesse momento que a realização da compra ocorre ou não. Mas lembre-se: você conseguiu despertar a atenção, o interesse e o desejo do consumidor, então, as chances do consumidor realizar a ação que você deseja são grandes.

Além do AIDA, existem dicas valiosas, no que diz respeito ao poder do discurso na captação de consumidores, tanto para copywriters que estão começando ou até mesmo para os mais experientes.

Algumas delas são a utilização de figuras de linguagem (analogias e metáforas são ideais), o storytelling, exclusividade dada ao cliente e repetição de conteúdo.

Toda estratégia de copywriting deve convergir para uma boa copy ou carta de vendas, que apresente o produto ou serviço de maneira clara e que desperte o real interesse do consumidor.

Muitas empresas possuem apenas um site institucional, com páginas sobre seus produtos e serviços, mas poucas contam com uma boa carta de vendas.

A carta de vendas ou copy pode ser apresentada em uma página do próprio site ou em um vídeo. E ser utilizada amplamente na estratégia de oferta da empresa.

Sua empresa ainda não possui uma copy? Está na hora de começar!

Por Priscila Falchi – Consultora de Marketing Digital e fundadora da Modernizza Marketing

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Priscila Falchi

Recent Posts

Marketing digital para contadores: 10 dicas para divulgar sua empresa contábil na web sem ferir o código de ética da categoria

Marketing digital para contadores: 10 dicas para divulgar sua empresa contábil na web sem ferir o código de ética da…

2 anos ago

Inbound Marketing para psicólogos: Como implementá-la no consultório de psicologia

O que é a estratégia de Inbound Marketing e como implementá-la no seu consultório de psicologia O Inbound Marketing é…

4 anos ago

Marketing digital: 4 motivos para investir em campanhas de divulgação na internet

Sua empresa ainda está fora do marketing digital? Então,este artigo é para você. A era digital trouxe uma verdadeira revolução,…

4 anos ago

Growth Hacking: O que é funil de conversão e como funciona

Growth Hacking também implementou o funil de conversão que você vai saber mais no artigo de hoje. Growth Hacking tem…

4 anos ago

Growth Hacking: Aplicação no marketing das empresas

O Growth Hacking vem ganhando maior espaço a cada dia enquanto estratégia. O conceito nasceu por volta de 2010 pelo…

4 anos ago

Cold Mail: Saiba o que é e como usá-lo na sua estratégia de prospecção de leads

Você sabe o que é cold mail? A prospecção de leads é a primeira etapa do ciclo de vendas. Essa…

4 anos ago